CCPL Barueri

Capacitação Profissional Lazer

Centros de Capacitação Profissional Lazer

Abril Azul: CCPL Barueri realiza ações em apoio ao mês de conscientização do autismo

O intuito é levar informação à população, a fim de reduzir o preconceito e promover a inclusão; afinal, o autismo não é doença, é apenas uma condição e lugar de autista é em todo lugar



Por CCPLBarueri - Publicado em 02/04/2022

Abril Azul: CCPL Barueri realiza ações em apoio ao mês de conscientização do autismo
No mundo, abril é reconhecido como o mês de conscientização sobre o autismo. O seu símbolo, criado em 1963, é um quebra-cabeça, que representa as dificuldades de compreensão das pessoas com autismo. O dia 2 de abril foi instituído pela Organização das Nações Unidas (ONU), como o ‘Dia Mundial da Conscientização do Autismo’. Por isso, este mês os Centros de Capacitação Profissional e Lazer – CCPL Barueri trabalharão a campanha ‘Abril Azul’, que visa levar informação à população a fim de reduzir a discriminação, negligência e preconceito contra as pessoas que apresentam o Transtorno do Espectro Autista (TEA).

O autismo é uma condição que afeta habilidades de percepção social e prejudica diversas áreas do neurodesenvolvimento motor, cognitivo, sensorial e de comunicação social, se manifestando diferentemente em cada pessoa. Participar de sessões de fonoaudiologia, terapia ocupacional, psicologia, entre outras terapias, podem ajudar o autista a se desenvolver e, aos poucos, se tornar independente.

No Brasil, estima-se que existam cerca de 2 milhões de autistas. O diagnóstico do transtorno do espectro autista ocorre geralmente entre os 2 anos e meio a 3 anos e deve ser feito por profissionais especializados na área, a partir da observação direta da criança, por meio de entrevistas com os pais, acompanhamento aproximado, ou também pelo uso de questionários e instrumentos direcionados. Apesar disso, nos últimos anos, tem sido frequentes os casos de diagnóstico de autismo em adultos; reflexo do aumento do acesso à informação.


Traços e disfunções características que facilitam a identificação:

• Falta de destreza;
• Tendência a cair;
• Postura corporal atípica;
• Não engatinha;
• Dificuldade em brincar, criar laços e com interações sociais;
• Presença de falhas relacionadas às comunicações verbal e não verbal;
• Dificuldade em estabelecer contato visual com as pessoas ou objetos determinados;
• Não suporta ser tocado;
• Evita sujar as mãos (manusear cola, areia, lama, tinta);
• Hipersensibilidade às luzes e certos barulhos / ruídos;
• Podem ter dificuldade em reconhecer pessoas;
• Foco intenso e movimentos sem coordenação, entre outros.


Direitos do Autista assegurados pela lei:

• Diagnóstico precoce até os 18 meses (Lei 13.438/2017);
• Tratamento multidisciplinar (Lei 12.764/2012);
• Obrigatoriedade dos planos de saúde (Lei 9.656);
• Prioridade de atendimento às pessoas com deficiência (Lei 10.048/2000);
• Inclusão escolar: a acessibilidade à educação (Lei 13.146/2015);
• Educação especial e o atendimento educacional especializado (Lei 7.611/2011);
• Direito de exercer uma profissão (Lei 13.146/2015);
• Direito ao LOAS (Lei 12.764/2012);
• Carteira de Identificação da Pessoa com Transtorno do Espectro Autista - CIPTEA (Lei 13.977).

Cientes da importância do tema, os CCPLs de Barueri abraçam a causa da campanha ‘Abril Azul’ e por meio da atuação de uma equipe psicossocial, orienta, acolhe, direciona e encaminha todos os munícipes que buscam por auxílio. Através de divulgações nas redes sociais, site oficial e da distribuição de materiais informativos, os CCPLs de Barueri compartilham orientações precisas, a fim de alcançar um maior número de pessoas.

O objetivo é apresentar as principais características e as dificuldades de quem possui o espectro autista e, desse modo, incentivar a inclusão do autista na sociedade, ressaltando a importância da criação de políticas públicas voltadas para esse grupo. Em resumo, é essencial dar voz ao autismo, levando informação à população, a fim de reduzir o preconceito. Afinal, o autismo não é uma doença, é apenas uma condição, e lugar de autista é em todo lugar!






OUTRAS NOTÍCIAS