CCPL’s de Barueri realizaram ações promovendo as campanhas Fevereiro Roxo e Laranja

Pensando no bem estar da população, as quatro unidades promoveram ações de conscientização, instrução e prevenção



Por CCPLBarueri - Publicado em 28/02/2020

CCPL’s de Barueri realizaram ações promovendo as campanhas Fevereiro Roxo e Laranja
Pensando na saúde e no bem estar da população, os Centros de Capacitação Profissional e Lazer de Barueri promovem, periodicamente, momentos de conscientização para os munícipes. E, ao longo do mês de fevereiro, as unidades dos CCPL’s realizaram algumas ações divulgando e promovendo as campanhas “Fevereiro Roxo” e “Fevereiro Laranja”.

A campanha Fevereiro Laranja tem como objetivo conscientizar e prevenir a população acerca da Leucemia, que é um tipo de câncer que afeta os glóbulos brancos e que passam a se reproduzir de maneira descontrolada. A doença atinge a medula óssea e pode acometer desde crianças até idosos.

Já na campanha Fevereiro Roxo o intuito é instruir as pessoas a respeito de três patologias: Lúpus, Fibromialgia e Mal de Alzheimer. Essas são três doenças distintas, para as quais a medicina ainda não possui cura. Por isso o diagnóstico precoce é tão importante, pois permite que a pessoa busque o tratamento adequado e faça o controle dos sintomas.

Para isso, no dia 21, a unidade do CCPL do Parque Imperial promoveu um momento de orientação para seus alunos a respeito das campanhas. Na ocasião, a psicóloga Emilaine Justus promoveu uma roda de conversa para explicar ao público presente sobre a importância da prevenção, tratamento e riscos dessas doenças.

No dia 26, os alunos que fazem parte do CCPL do Parque dos Camargos também participaram de palestras de conscientização. A equipe psicossocial do pólo desenvolveu uma breve orientação, na qual os alunos receberam folhetos informativos, tiraram dúvidas, foram orientados e puderam marcar atendimentos.

As ações de divulgação e conscientização das campanhas foram desenvolvidas em todas as unidades dos CCPL’s, sendo fixados cartazes e veiculados informativos nas redes sociais. As profissionais que atuam nas equipes psicossociais dos quatro polos distribuíram informativos, se disponibilizaram para prestar orientações e esclarecimentos aos munícipes, destacando a importância do diagnóstico precoce para o controle dessas doenças.









OUTRAS NOTÍCIAS